segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Ímã de Geladeira

2 comentários:

Luciane disse...

Falou a geriatra!
Mas ainda assim, nada como nosso frescor dos 30! :)
Beijo querida!

Flavio Ferrari disse...

Vou te dizer uma coisa, querida.
Eu, que estou chegando lá (49), nunca me senti tão bem.
A liberdade de pensamento, o poder de realização e a vivência acumulada tornam tudo mais fácil e mais simples e divertido.
Nenhuma saudades da vida antes dos 40.
Mas concordo com a Luciana. Mulheres de 30 são insuperáveis.
Já os meninos demoram um pouco mais para ficar no ponto.